terça-feira, 26 de outubro de 2010

O eterno mergulho

Mais fácil fixar minha atenção no invisível,
no que nossas comuns palavras já ditas.

Sou mais inteira quando fico assim: Sensível.
Como aqueles peixes de águas profundas, esquisita.

Muito mais interessante a chance do sonho
do que a realidade pesada da rotina.

Só que agora, já velha enfrentei uma escolha,
subo para superfície. Não bem o que queria.

Fui por causa de você e de um possível futuro.
Vou, fico um pouco, mas sempre volto pro fundo.

Minha vida é assim: Todo dia um mergulho.

8 comentários:

Tatiane Lemos disse...

Lindíssimo isso menina, escreveste tão bonito que me encantei com as palavras, a vida é mesmo um mergulho que a gente chega a se afogar....

Beijos moça linda!

Paula Nunes disse...

É porque não mergulhar nesse profundo mundo...sonhando em que coisas boas venham acontecer?

Beautiful!!!

Kiss

Daniel Savio disse...

Mas será que temos o direito de nos julgar estranhos?

Se sabemos que cada ser humano é único, então por que estava mania de nivelar todos, como fossemos bonecos de plasticos criados por padrões de segurança e de qualidade?

Se gosta da chance de sonhar, então se fortaleça e lute por teu sonho, como unha, dentes e nadadeiras (eu sei, piada sem noção devido a parte do peixe).

Fique com Deus, menina Carolina de Castro.
Um abraço.

Monike disse...

boa semana amoreca

Denise Portes disse...

Muito bonito esse poema.
Beijo
Denise

Sarah disse...

a coragem de mergulhar, de enfrentar e de lutar, ja é uma vitoria, independente do resultado!
boa sorte querida e uma otima semana!

Inês disse...

uuu gostei!
e obrigada pela visita!
estou retomando a vida internética...
criei até um facebook:
http://www.facebook.com/#!/profile.php?id=100001785335358
um abraço!

Paula disse...

Achei lindo o poema! de uma sinceridade enorme e cheio de sentimento.

Eu me sinto esquisita tb, principalmente qdo estou na tpm e fico com a cabeca cheia de "pq's"...

Enfim, mergulhar eh preciso ;D

Beijos