quarta-feira, 27 de outubro de 2010

Apenas um registro

Estava deitada na minha cama e peguei um antigo livro de poesias da Cecilia Meireles que tenho e adoro. Tipo uma compilação dos melhores poemas.
Minha intenção era ler apenas o prefácio da edição escrito pelo incrível Fabricio Carpinejar.
E não é que me deparo com um parágrafo que me lembrou exatamente a poesia que postei ontem! Olha só:

"O verso equipara-se às braçadas no oceano. Trata-se de um processo respiratório, de controle de ar. Mergulhar na sensação e subir a tona para respirar. Uma conclusão afetiva do fundo sucedida por uma observação prática da superfície. Subir com os olhos para prever o ponto em que se nadou e novamente mexer os braços em direção ao fundo. Inspirar, respirar. (...)"

Acabei me lembrando de uma cena no final do filme Naúfrago com o Tom Hanks em que ele fala:
- Eu sei o que preciso fazer. Eu preciso respirar.

Enfim acho que é bem isso. Alguns se sentem bem no fundo do mar. Outros são "peixes de superfície". Mas no final estamos todos no mesmo oceano.

Respirar... Talvez seja essa a solução de muitos problemas.

9 comentários:

Daniel Savio disse...

Respirar, ato tão vital que só ficamos alguns minutos se o realizar e já corremos o risco de morte...

Aff, comentário meio para baixo, não é?

Mas respirar também envolve trocar a energia do nosso interior com o mundo externo e com isto, vamos vivendo...

Fique com Deus, menina Carolina de Castro.
Um abraço.

Paula Nunes disse...

Nada melhor do que respirar fundo...que linda comparação, isso só mostra o quando vc é sensível e inteligente.

Bom dia!!!

Kiss

khmer student disse...

wonderful site you have got, congratulation for your good job. Could you exchange

link with my site? it is new, do hope you do not mind to exchange link
Here's mine
http://khdoc.blogspot.com/

http://khmergay.nibblebit.com/

cheer,

Khdoc news

Auíri Au disse...

Bom dia!

Carol amiga, você acertou em cheio.
A melhor coisa que existe é viver apaixonado...principalmente com os olhos. Hihi.

: )

Esse filme é maravilhoso, o ator dá um show, e a mensagem que você tirou realmente é importante. Respirar é preciso.
Beijos azuis

Clara disse...

Que lindo... Verdade mesmo. Muitas vezes nos deixamos morrer apenas por não lembrar de respirar.

Adorei a comparação da poesia, acho que é bem assim mesmo com quase tudo que se faz com amor.

Hum, sobre os mangás, te indico um Shoujo (mangás de meninas) que se chama Sunadokei. A história é linda, recomendo começar do primeiro (são dez).

Eu não leio tantos mangás quanto gostaria, pois o preço é meio salgado, às vezes fico na vontade de comprar e não posso... É um dos meus planos comprar todos os mangás que eu quiser quando tiver um dinheirinho a mais, rs!

Beijos! :)

Antonielson Sousa disse...

O amor sempre será um mistério intrigante. Ainda assim, somos alienados por ele, ou nos alienamos?kkkkkkk

Abraços

Antonielson Sousa

Sotnas disse...

Olá Carolina, tudo bem contigo?
Parabéns por belos e sensíveis textos, além de inteligentes também, claro. É isso, respirar é tão importante que, somente em pensar de não respirar nos causa desconforto, o problema está em que, alguns além de não saberem respirarem, também não sabem o valor que cada renovada de oxigênio tem para nossa existência. Tudo de bom pra você e todos ao redor, grande abraço e até mais!

A. Aimée disse...

Sim, com certeza!
E que descrição incrível essa do Carpinejar!

Beijo!

ONG ALERTA disse...

Dar um tempo para si...
Beijo Lisette.