sexta-feira, 25 de abril de 2008

Modinha

No teu rosto colo meu desespero
De mulher que não vive sem um querer
Na tua face treino o desapego
De um coração que vivia só pra te ver

Na tua boca aproximo o ultimo suspiro
De quem não quer te perder
Da minha boca murmuram palavras de exílio
Para quem sabe a dor que é te ter

Na tua pessoa aposto a felicidade
De não existir outra opção a fazer
No teu amor encontro a outra metade
Pois sem sonhos não vejo motivos de ser.

20 comentários:

Maria Renata disse...

Nossa, que bonito! Aiai, entendo, viu!

Tem uma brincadeirinha lá no meu blog, e eu indiquei vc ;)

beijos

Anônimo disse...

Rimas bonitinhas...

Beijos.

Emely disse...

Cirandando por aki ....voltarei sempre...Belas Palavras!
*paz

ps: POsso add?

=*

Luciana disse...

que coisa mais linda!
adorei, carol.
beijo
bom final de semana :)

Anônimo disse...

Lindas as palavras. É sempre bom ter alguém para sonhar =)

vou te linkar, posso?

beijos e obrigada pela visita ao meu blog.

aviso: blog atualizado

Lorita disse...

Sabia que esse poema dá um xote pra dançar agarradinho? ô trem bão sô!

Lindo lindo

Bjm

Anônimo disse...

Super lindinho!
Concordo que sem os sonhos não temos porque querer viver.

Abraço,

Rafael Dias disse...

Nuh, gostei muito do seu blog!
parabéns!

Camila Diniz disse...

a última frase é simplesmente maravilhosa.

Carol,estou te adicionando aos links,ok?!

pensetb disse...

"de mulher q nao vive sem um querer".....
determinada...
beeijos

Filipe Garcia disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Filipe Garcia disse...

Oi Carol,

Todos precisam de um amor, não é? Ninguém suporta a solidão, a falta de um amor que acalente o peito.

Feliz da eu-lírica que já encontrou a outra metade! E que os sonhos dela não sejam tão movidos pela outra parte para que ela não se anule e torne o relacionamento algo unilateral.

Beijo.

Mário Liz disse...

sem sonhos não há motivos.


- isso é poesia e filosofia e arte e lei e aspecto e tudo de toda uma vida !!!

Carina disse...

Lindo
Sonhar em ser para amar

Toninho Moura disse...

Amor e sonhos..., o que mais nos move?


PS: você não acha legal tirar estas letrinhas que a gente tem que preencher para fazer os comentários?

Clarissa disse...

Menina! Que maravilha! :)
Tu fala de minhas poesias..
fiquei maravilhada com as tuas!
Lindas, lindas, lindas!
De uma delicadeza e força incríveis!

Parabéééns! (:

[tô bestinha até agora :P]

;*

Anônimo disse...

Carol, Aquelas Estórias: atualzado =)

espero tua visita!!

e mais uma vez, belas palavras!!


beijos!!

Ana Cláudia Zumpano disse...

quanto tempo faz que eu n lia nada assim com rimas tão redondas... lindinho!!!
bjos ;*

Better MAN disse...

Fico lendo quietinho. Silêncio para não atrapalhar. Uma lágrima desce devagarinho... É um poema de inverno. Perfeito pra me aquecer.

Anônimo disse...

Obrigado por Blog intiresny