sexta-feira, 25 de abril de 2008

Modinha

No teu rosto colo meu desespero
De mulher que não vive sem um querer
Na tua face treino o desapego
De um coração que vivia só pra te ver

Na tua boca aproximo o ultimo suspiro
De quem não quer te perder
Da minha boca murmuram palavras de exílio
Para quem sabe a dor que é te ter

Na tua pessoa aposto a felicidade
De não existir outra opção a fazer
No teu amor encontro a outra metade
Pois sem sonhos não vejo motivos de ser.

20 comentários:

Maria Renata disse...

Nossa, que bonito! Aiai, entendo, viu!

Tem uma brincadeirinha lá no meu blog, e eu indiquei vc ;)

beijos

Juliana Caribé disse...

Rimas bonitinhas...

Beijos.

Emely disse...

Cirandando por aki ....voltarei sempre...Belas Palavras!
*paz

ps: POsso add?

=*

Luciana disse...

que coisa mais linda!
adorei, carol.
beijo
bom final de semana :)

Bianca Rieth disse...

Lindas as palavras. É sempre bom ter alguém para sonhar =)

vou te linkar, posso?

beijos e obrigada pela visita ao meu blog.

aviso: blog atualizado

Lorita disse...

Sabia que esse poema dá um xote pra dançar agarradinho? ô trem bão sô!

Lindo lindo

Bjm

Stefani Ψ disse...

Super lindinho!
Concordo que sem os sonhos não temos porque querer viver.

Abraço,

Rafael Dias disse...

Nuh, gostei muito do seu blog!
parabéns!

Camila Diniz disse...

a última frase é simplesmente maravilhosa.

Carol,estou te adicionando aos links,ok?!

pensetb disse...

"de mulher q nao vive sem um querer".....
determinada...
beeijos

Filipe Garcia disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Filipe Garcia disse...

Oi Carol,

Todos precisam de um amor, não é? Ninguém suporta a solidão, a falta de um amor que acalente o peito.

Feliz da eu-lírica que já encontrou a outra metade! E que os sonhos dela não sejam tão movidos pela outra parte para que ela não se anule e torne o relacionamento algo unilateral.

Beijo.

Mário Liz disse...

sem sonhos não há motivos.


- isso é poesia e filosofia e arte e lei e aspecto e tudo de toda uma vida !!!

Carina disse...

Lindo
Sonhar em ser para amar

Toninho Moura disse...

Amor e sonhos..., o que mais nos move?


PS: você não acha legal tirar estas letrinhas que a gente tem que preencher para fazer os comentários?

Clarissa disse...

Menina! Que maravilha! :)
Tu fala de minhas poesias..
fiquei maravilhada com as tuas!
Lindas, lindas, lindas!
De uma delicadeza e força incríveis!

Parabéééns! (:

[tô bestinha até agora :P]

;*

Bianca Rieth disse...

Carol, Aquelas Estórias: atualzado =)

espero tua visita!!

e mais uma vez, belas palavras!!


beijos!!

Ana Cláudia Zumpano disse...

quanto tempo faz que eu n lia nada assim com rimas tão redondas... lindinho!!!
bjos ;*

Better MAN disse...

Fico lendo quietinho. Silêncio para não atrapalhar. Uma lágrima desce devagarinho... É um poema de inverno. Perfeito pra me aquecer.

Anônimo disse...

Obrigado por Blog intiresny